O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente.

Mario Quintana

26 de dez de 2011

Vidraça


Por trás da vidraça sórdida
tomando vodka
em goles largos
Cérebro alucinado
engoli à seco
minha dor.


Magna Vanuza Araújo

Um comentário:

  1. Já imaginando a cena,
    você com esse jeitinho clássico
    tomando vodka.

    Muito bom!

    ResponderExcluir

Adubos