O que mata um jardim não é o abandono. O que mata um jardim é esse olhar de quem por ele passa indiferente.

Mario Quintana

12 de jul de 2012

V(ida)



 
A vida é mesmo uma ida,
prenuncio da partida.
Todos os dias vivemos e imos
até o dia em que deixamos de viver
e de uma vez, partimos...

Magna Vanuza Araújo.
[Direitos Reservados]

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Adubos